Sódio em excesso pode causar diversos problemas de saúde

sódio em excesso

Sódio, o ingrediente que faz parte da maioria das comidas industrializadas, é um grande vilão se consumido em excesso. Ele pode provocar diversas doenças àqueles que na correria do dia a dia acabam optando por refeições mais rápidas.

O sódio é a substância que está concentrada em maior número no sal de cozinha e está embutido em algumas guloseimas sem que ninguém note, como no ketchup, por exemplo. Sódio em excesso tem potencial para desregular o ritmo cardíaco e até mesmo o volume de sangue presente no corpo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) fez um alerta sobre a quantidade aceitável para consumo diário, do qual marca dois gramas, recomendação pouco seguida pela população e que desregulada aumenta os problemas de saúde.

Algumas doenças estão no topo da lista de quem consome sódio em excesso, por isso vale a pena ficar atento e controlar a quantidade ingerida.

Obesidade

O excesso de sódio faz com que haja uma maior retenção de líquidos, que por sua vez pode desencadear obesidade, além de ser responsável por viciar e aumentar a fome.

Rins

O rim é um órgão que pode ser afetado pela alta ingestão de sódio, causando até mesmo doença renal crônica e cálculo renal.

Hipertensão

O aumento do consumo de sódio diminui o fluxo do sangue, o que aumenta a resistência da circulação e acaba por ter uma pressão arterial maior, pois o organismo tenta obter água para seus tecidos, mas já não há tanta flexibilidade dos vasos para isso, o que resulta na hipertensão.

Osteoporose

Com ação direta no sistema imunológico, o excesso de sódio afeta a formação óssea, além de o risco de quebra de algum osso ser muito maior àqueles que o consomem em exagero devido à perda de cálcio, contribuindo assim para o aumento de problemas de saúde.

Envelhecimento precoce

Uma grande quantidade de consumo de sódio é responsável por deficiências no metabolismo, como a lentidão, que contribui diretamente no envelhecimento precoce.

Hipernatremia

Doença causada especificamente pelo sódio em excesso. Responsável por um desequilíbrio no corpo, onde falta água e sobra sal no organismo.

Quem busca qualidade no dia a dia e deseja reduzir o sódio, o ideal é começar por se alimentar com mais produtos frescos e menos industrializados. Outra dica para manter um estilo de vida saudável é sempre conferir o rótulo dos produtos e verificar a quantidade do mineral presente.

Existem algumas tabelas nutricionais que nomeiam o componente de modo genérico, tal como glutamato monossódico, sacarina sódica e benzolato de sódio, que no final das contas quer dizer a mesma coisa: contém sódio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *